Alopecia: tudo o que você precisa saber

 Em Queda de Cabelo, Saúde

A Alopecia é o termo médico para uma situação que aflige muitos homens e, em menor proporção, mulheres também. O nome complicado faz referência algo que todos nós já ouvimos falar: a queda de cabelos, que acaba gerando a calvície.

É importante notar que a queda de cabelo pode ter várias origens distintas, dentre elas:

  1. Perda natural dos fios de cabelo. Estima-se que um adulto saudável perca, diariamente, aproximadamente 100 fios de cabelo. Contudo, é importante notar que esse é um processo natural: nosso cabelo é renovado constantemente.
  2. Doenças, como é o caso da alopecia areata.
  3. Uso de produtos químicos ou ingestão de certos medicamentos.

alopecia

Quando procurar um médico por causa da perda de cabelo?

  • Se você tiver uma perda repentina de cabelo;
  • Desenvolver espaços carecas na cabeça;
  • Está perdendo cabelo em chumaços;
  • Sua cabeça coça ou arde;
  • Você está preocupado com a sua perda de cabelo.

Tipos de alopecia

Alopecia Androgenética

A calvície é uma situação que aflige muito mais os homens do que as mulheres. Isso porque a queda de cabelo está diretamente ligada à atuação de hormônios sexuais masculinos, principalmente a testosterona. As mulheres também produzem esse hormônio, mas em menor quantidade. Assim, quando a perda de cabelo ocorre no sexo feminino, os casos são menos drásticos.

Além dos hormônios, outro fator que influencia a perda de cabelo é a genética (por isso o nome de alopecia androgenética). Depois dos 50 anos, é mais provável que os homens de uma família geneticamente predisposta a possuir o problema possuam uma perda anormal de cabelo.

Alopecia areata

A alopecia areata ocorre quando o sistema imune da própria pessoas ataca os folículos capilares. Os danos causados geralmente não são permanentes, mas há um risco aumentado de o cabelo não voltar a crescer se:

  • Há um histórico familiar da condição;
  • A condição aparecer antes da puberdade ou permanecer por mais de um ano;
  • A pessoa possuir alguma outra doença autoimune;
  • Apresentar cor, formato, textura ou espessura anormais das unhas das mãos ou dos pés.

É importante notar que a alopecia areata não pode ser curada no sentido médico do termo. Porém, ela pode muito eficientemente ser tratada.

Eflúvio Telógeno

Nesse tipo de alopecia, o cabelo cai mais do que o usual. Porém, ao invés de criar “buracos” na cabeça, o cabelo rareia. A impressão que se tem  é  a de que o cabelo está “mais fino”, mas o que aconteceu de fato foi a perda de volume devido à queda dos fios. Algumas das causas do eflúvio telógeno podem ser:

  • Estresse físico ou emocional extremos;
  • Mudanças hormonais;
  • Doenças crônicas;
  • Mudanças de dieta.

Eflúvio Anágeno

Esta forma de perda de cabelo pode atingir todo o corpo. O eflúvio anágeno é mais usualmente causado devido aos efeitos da quimioterapia para o tratamento de câncer. Também pode ser causada por outros tipos de terapias, como radioterapia e imunoterapia.

A alopecia nesse caso geralmente é temporária. O cabelo volta a crescer novamente por volta de seis meses após a última sessão.

Tratamento para a Alopecia

Ao verificar a queda anormal de cabelos, você deve primeiramente buscar a opinião de um profissional médico. É importante descobrir quais são as causas da queda de cabelo.

Aalopecia é uma condição que não possui cura, porém apresenta diversos tratamentos que ajudam você a lidar com o problema.

Evidências científicam apontam que o uso tópico de algumas substâncias nas regiões afetadas podem ajudar a minimizar a perda de cabelo e estimular os folículos. São exemplos de substância com esses efeitos a Latanoprosta, o minoxidil e o prostaquinon.

Latanoprosta

Aplicações indicadas da Latanoprosta:

  • Alopecia androgénetica feminina;
  • Alopecia androgenética masculina;
  • Alopecia areata;
  • Eflúvio anágeno;
  • Eflúvio telógeno.

Benefícios da Latanoprosta

  • Estímulo á fase anágena (fase que corresponde ao crescimento ativo do cabelo);
  • Redução da queda capilar;
  • Aumento da conversão pelos velus em pelos terminais;
  • Aumento da densidade e pigmentação capilar;
  • Efeitos mais potentes, rápidos e duradouros que os tratamentos atualmente disponíveis.

Prostaquinon

O prostaquinon ajuda a diminuir a inflamação do couro cabeludo, reduzindo a queda capilar e promove o aumento da espessura e densidade do fio.

Minoxidil

É um potente vasodilatador musculotrópico (direto), pertencente às piperidinpirimidinas, que atua diretamente sobre a musculatura lisa vascular.

A Dermo Manipulações possui o tratamento ideal para a sua perda de cabelos! Alopecia – Tratamento individualizado da queda capilar é um produto que reúne as melhores substâncias que combatem a perda capilar.

Alopecia – Tratamento individualizado da queda capilar

Uso noturno: Prostaquinon 3%

Uso diurno: Latanoprosta 0,005% e Minoxidil 5%

Referências

  1. https://www.news-medical.net/health/What-is-Alopecia.aspx
  2. https://drauziovarella.com.br/doencas-e-sintomas/calvicie-alopecia-androgenetica/

Você também poderá se interessa por…

>> O que é melhor, comer a fruta ou tomar o suco?

>> Nutricosméticos: conheça três tipos de pílula da beleza

>> Ginseng: conheça os benefícios para a saúde humana!

Dermo Manipulações
A Dermo Manipulações é uma empresa com mais de 40 anos de experiência no mercado. Com milhares de clientes satisfeitos, prezamos pela qualidade em todos os nossos produtos, garantida pelo seguimento de todas as normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) Além disso, prezamos pela reciclagem constante de nossa equipe, de forma a oferecer o que há de mais moderno em manipulação de medicamentos. Nosso laboratório de controle certifica a qualidade de todos os produtos, garantindo que o cliente receba apenas itens com eficácia comprovada. A Dermo Manipulações conta também com os mais modernos equipamentos para proteger o meio ambiente de resíduos e garantir uma produção tecnicamente correta.
Postagens Recentes

Deixe um comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar