Quais são os principais sintomas da imunidade baixa?

 Em Dicas, Saúde

principais sintomas da baixa imunidadeO sistema imunológico é responsável pela proteção do organismo contra infecções ou doenças. Por isso, é fundamental que ele esteja forte para que o corpo consiga enfrentar qualquer ameaça, principalmente em tempos de pandemia, como a que vivemos atualmente com o Covid-19.

O fato é que, em muitos casos, as pessoas podem estar com baixa imunidade e isso pode ser desencadeada por diversos fatores. É por isso que, muitas vezes, duas pessoas passam pelas mesmas situações e condições climáticas e apenas uma delas fica doente.

 

Principais causas da baixa imunidade

A imunidade baixa tem causas diversas e, por isso, necessita de uma avaliação médica pessoal. Muitas vezes, quem tem o sistema imunológico enfraquecido apresenta sintomas simples, como queda de cabelo e unhas enfraquecidas. Assim, muitas vezes as pessoas não dão importância a esses problemas, o que pode fazer com que o problema se agrave.

Uma das principais causas da baixa imunidade é a má alimentação, já que o nosso organismo não recebe os nutrientes necessários para se manter em equilíbrio. Todas as pessoas precisam de uma quantidade de vitaminas e minerais para fortalecer o sistema imunológico, e quando isso não acontece o corpo fica mais suscetível a pegar doenças.

Questões hormonais também podem contribuir para o mal funcionamento desse sistema de defesa do corpo. Isso ocorre devido aos níveis de progesterona que aumentam na segunda fase do período menstrual, o que inibe o sistema imune feminino.

 

Quais são os sintomas comuns de baixa imunidade

Como falamos anteriormente, a imunidade baixa tem sintomas muito similares a outros problemas de saúde, nem sempre muito graves. Por isso, é importante consultar um médico para uma avaliação mais completa.

De modo geral, os sintomas da baixa imunidade estão diretamente relacionados à diminuição das defesas do organismo a parasitas que, consequentemente, causam diversas doenças. É muito importante ficar atento a alguns problemas para buscar ajuda especializada e evitar que haja o tratamento adequado antes da situação piorar. Alguns dos problemas desencadeados por baixa imunidade são:

  • cansaço excessivo;
  • febre e calafrios frequentes;
  • náuseas, vômitos ou diarreia;
  • doenças simples que ficam graves, como gripes que duram semanas;
  • otites no ouvido;
  • herpes na região genital;
  • herpes labial, estomatite e amigdalite na boca;
  • infecção respiratórias persistentes e constantes;
  • perda ou ganho de peso;
  • estresse;
  • depressão;
  • uso de drogas e álcool;
  • deficiência de vitaminas;
  • má qualidade da pele e predisposição a ferimentos.

 

Como aumentar a imunidade

Se você apresenta alguns sintomas e deseja saber como melhorar a imunidade, é fundamental que antes de tudo a alimentação seja analisada e melhorada. Mesmo com a ajuda de suplementos, se o corpo não recebe os nutrientes adequados a absorção do que está sendo ingerido fica comprometida também. Abaixo, você encontra 4 dicas para cuidar melhor da sua imunidade:

 

1) Melhore sua alimentação

Existem alimentos específicos que ajudam nesse sentido, assim, é muito importante incluir alguns deles em sua dieta alimentar. Olha só:

  • Gengibre: rico em antioxidantes e com propriedades antibacterianas, ele é uma ótima opção para quem está buscando fortalecer o organismo.
  • Alho: ele é fonte de alicina, uma substância que estimula a resposta imunológica.
  • Iogurte: os iogurtes naturais e leites fermentados têm micro-organismos que atuam diretamente do fortalecimento do sistema imunológico.
  • Frutas cítricas: frutas como laranja, limão, acerola e kiwi são ricas em vitamina C que auxilia no aumento da imunidade.
  • Alimentos ricos em zinco: carne, cereais integrais, sementes e leguminosas (feijão, grão de bico, ervilha) possuem alta concentração de zinco. Esta substância é muito poderosa no combate a gripes e resfriados.

 

2) Priorize seu sono

Pode ser que durante a pandemia ou até mesmo antes dela, suas noites de sono não eram muito boas. Porém, para manter a imunidade boa é essencial dormir pelo menos de 6 a 8 horas. Estudos indicam que a privação de sono é uma das principais causas para imunidade baixa, então é importante não negligenciar estes momentos de sono.

 

3) Hidrate-se corretamente

Não espere sentir sede para beber água. Quando estamos com sede, isso indica que o nível de água no corpo está baixo e estamos desidratados. Além disso, a ingestão de água ajuda a eliminar toxinas prejudiciais e a prevenir doenças. A quantidade de consumo de água costuma variar conforme o sexo, peso, idade e o clima onde a pessoa mora, mas a recomendação geral é que a ingestão mínima de água seja de dois litros por dia.

lactobacillus fortalecimento do sistema imunologico

É muito importante ficar atento e não negligenciar os cuidados com a sua saúde e qualidade de vida neste momento.

O uso de suplementos para fortalecer a imunidade também podem ajudar muito, mas lembre-se: consulte sempre um médico antes para verificar qual a real necessidade do seu corpo.

 

 

 

Dermo Manipulações
A Dermo Manipulações é uma empresa com mais de 40 anos de experiência no mercado. Com milhares de clientes satisfeitos, prezamos pela qualidade em todos os nossos produtos, garantida pelo seguimento de todas as normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) Além disso, prezamos pela reciclagem constante de nossa equipe, de forma a oferecer o que há de mais moderno em manipulação de medicamentos. Nosso laboratório de controle certifica a qualidade de todos os produtos, garantindo que o cliente receba apenas itens com eficácia comprovada. A Dermo Manipulações conta também com os mais modernos equipamentos para proteger o meio ambiente de resíduos e garantir uma produção tecnicamente correta.
Postagens Recentes

Deixe um comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar